CIDADES
por CBN RECIFE em 09/02/2018
Beijo forçado é considerado como estupro no carnaval Antes da mudança a ação criminosa era considerada como atentado ao pudor


#
Foto: Djair Pedro/Divulgação

Uma prática recorrente no período de carnaval e que incomoda as mulheres durante os festejos é o beijo forçado. Com o objetivo de conter o assédio, uma série de ações acontecem para impedir este tipo de abuso, como por exemplo, uma frase de ordem tatuada no corpo das mulheres enfatizando a campanha Não é Não, trazida do estado do Rio de Janeiro desde o ano passado.

A Secretaria de Defesa Social esclarece que aquele que for preso em flagrante tentando beijar à força será autuado por prática de estupro.

Mais de 500 câmeras da SDS podem servir como provas nos principais pontos de folia de Olinda e Recife.

Outras informações na reportagem de Kleber Vital.

fechar