TV Asa Branca G1 Caruaru e Regiao GE Caruaru e Regiao Radio Globo Recife

ESPORTES
por CBN Recife em 05/11/2018
De volta ao Arruda como executivo, Luciano Sorriso revela: “Minha relação com o Santa Cruz nunca deixou de existir” Novo diretor executivo de futebol tricolor se aposentou dos gramados na atual temporada, com 35 anos, e tem chegada prevista no Recife para esta semana


#
Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press

Aos poucos o Santa Cruz vai acertando com os nomes que vão montar o elenco profissional visando a próxima temporada, com o princiapl objetivo de retornar à série B do brasileirão. Após o anúncio de Leston Júnior como treinador da equipe, o clube anunciou, através do seu site oficial, o acerto com o ex-volante Luciano Sorriso, de 35 anos, para ser o novo diretor executivo de futebol coral. Luciano Pazzini Prado, o Sorriso, atuou no tricolor nos anos de 2013 e 2014, conquistando um título pernambucano e um acesso para a segunda divisão. Para a assessoria de imprensa do clube, o agora dirigente falou sobre sua relação com o Santa e os contatos que tinha com membros da diretoria.

“Minha relação com o Santa Cruz nunca deixou de existir, a partir do momento que eu saí daí, o carinho que eu adquiri por tudo isso, pelas conquistas que tive como jogador, então vira e mexe a gente se falava, eu conversava com o Tininho ou o Jomar, também com funcionários que ainda estão, enfim, membros da diretoria do clube. Sempre mantivemos o contato pela relação que tivemos durante minha passagem como jogador do clube”, declarou Luciano Sorriso. Ainda de acordo com o ex-atleta, que já vinha se preparando para o cargo que vai exercer, o convite recebido no momento o pegou de surpresa.

“Eles já sabiam que eu vinha me preparando para que isso acontecesse na minha carreira, fiquei surpreso sim com o convite de imediato, já para agora, pensando na temporada do ano que vem. Havia uma possibilidade sim de exercer um cargo no futuro, nós sempre brincávamos as vezes, mas, muitas das vezes eles me falavam para eu me preparar que a minha história ainda não tinha acabado aqui no Santa Cruz, e eu sabendo disso e querendo isso para minha vida, fui me preparando com meu ingresso na faculdade e fazendo cursos da CBF”, finalizou.

fechar