TV Asa Branca G1 Caruaru e Regiao GE Caruaru e Regiao Radio Globo Recife

ESPORTES
por CBN Recife em 13/02/2019
Em busca de alívio financeiro, rubro-negros visitam a Tombense-MG na estreia da Copa do Brasil Um simples empate classifica os leoninos para segunda fase da competição e garante uma cota de R$ 625 mil


#
Foro: Anderson Stevens / Divulgação Sport Recife

Após cinco jogos oficiais na temporada, com uma derrota e quatro vitórias, o Sport enfrenta nesta quarta-feira (13), às 20h30, horário do Recife, o seu principal adversário no início da temporada, que é a Tombense-MG, na estreia da Copa do Brasil, no estádio Almeidão, em Tombos. Apesar de não haver histórico de rivalidade entre as equipes, a importância do confronto se dá pelo valor da premiação para quem avançar para a próximo fase. E o Sport joga por um simples empate para embolsar R$ 625 mil, valor que pode ajudar bastante nas finanças do clube, que passa por um momento difícil financeiramente.

Pensando na partida, o técnico Milton Cruz poupou vários titulares na vitória leonina diante do Petrolina, no último domingo, por 3 x 0. Desta forma, o time que inicia o jogo deve ter a base que vinha atuando nas últimas partidas mantida. Uma possível dúvida do treinador está no companheiro de zaga do jovem Adryelson. O experiente Cléberson só fez um jogo pelo Sport, enquanto o recém-chegado Rafael Thyere também realizou apenas uma partida. Sendo assim, o rubro-negro da praça da bandeira deve entrar em campo com: Magrão; Norberto, Adryelson, Rafael Thyere (Cléberson) e Sander; Ronaldo, Charles e Leandrinho; Guilherme, Ezequiel e Hernane Brocador.

Já a Tombense-MG, que vem de quatro jogos sem vitória, tem jogadores conhecidos no seu elenco, como o atualmente meia Juan, que se destacou como lateral-esquerdo no Flamengo, além de Cássio Ortega, ex-salgueiro, o goleiro Felipe Garcia, ex-Náutico, e o volante Rodrigo, que passou pelo Sport em 2017. O técnico Ricardo Drubsky deve mandar a campo: Felipe; David, Reynaldo, Lincoln, e Bruninho; Rodrigo, Lucas Chapecó (Trindade) e Juan; Everton, Cássio Ortega e Ricardo Jesus.. A arbitragem fica por conta de Jefferson Ferreira de Moraes, que será auxilidado por Márcio Soares Maciel e Adailton Fernando Menezes, todos de Goiás.

fechar