CIDADES
por CBN Recife em 09/08/2018
Força tarefa assume casos que estavam sob a responsabilidade de Marcellus Ugiette O promotor é suspeito de favorecer advogados de detentos para que eles conseguissem a transferência dos presos


#
Foto: Reprodução/TV Globo

O Ministério Público designou uma força tarefa para cuidar dos processos que estavam sob responsabilidade do promotor de execuções penais Marcellus Ugiette, afastado do cargo por suspeita de corrupção passiva. A equipe, batizada de grupo de atuação criminal especial, Gace, é formada por seis promotores, que vão verificar possíveis irregularidades nos documentos e agilizar o andamento dos processos da 19ª e 54ª Promotoria de Justiça Criminal da Capital.

Outras informações na reportagem de Samuel Santos. 

fechar