Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Política

Borges critica Bolsonaro por ter liberado a importação de álcool dos EUA


Por: REDAÇÃO Portal

Deputado acha que decisão “desequilibra o mercado”

Deputado acha que decisão “desequilibra o mercado”

Foto: Roberto Soares - Alepe

09/09/2019
    Compartilhe:

O deputado Waldemar Borges (PSB) criticou nesta segunda-feira (9), na Assembleia Legislativa,  a decisão do governo Bolsonaro de aumentar em 150 milhões de litros a quantidade de álcool etanol que poderá ser importada dos Estados Unidos com isenção da alíquota de importação de 20%. 

A seu ver, esta decisão “desequilibra o mercado” e traz prejuízos aos produtores brasileiros, sobretudo aos nordestinos, configurando-se em “ato de subserviência aos Estados Unidos, uma vez que atende a um pedido feito pelo presidente  Donald Trump para ampliar as vendas dos produtores norte-americanos, em detrimento dos produtores brasileiros”.

“Anteriormente já existia autorização para que entrassem no Brasil 600 milhões de litros de álcool americano sem pagar os 20% do imposto de importação. Era reivindicação dos nossos produtores que essa alíquota fosse extinta, uma vez que os norte-americanos já são subsidiados no seu país de origem e isso terminava tirando a competitividade do produto brasileiro. Ao invés de acabar com a cota de 600 milhões não tributáveis, o governo aumentou essa cota para 150 milhões de litros”, disse o deputado pernambucano.

Para ele, a decisão do governo Bolsonaro “fere frontalmente os interesses nacionais”, configurando-se em uma atitude altamente contraditória “de um governo que se diz nacionalista, mas claramente cuida dos interesses norte-americanos”. 
 

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook