Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Política

Huck começa a se mexer para 2022


Por: REDAÇÃO Portal

Coluna Fogo Cruzado - 02 de outubro de 2019

Coluna Fogo Cruzado - 02 de outubro de 2019

Foto: Reprodução internet

01/10/2019
    Compartilhe:

Luciano Huck é um apresentador de televisão de muito sucesso, que teria como sonho represado desde 2018 a eleição para presidente da República. Naquela época, ele andou conversando com partidos de centro, participou de movimentos de renovação política visando à preparação de jovens talentos para a vida pública e até recebeu estímulo do ex-presidente FHC para participar da eleição. No entanto, retirou-se em boa hora após receber ultimato da rede de TV em trabalha: ou ela ou a política. Huck não pensou duas vezes e resolveu segurar o emprego milionário de apresentador. Nada obstante, retomou a pregação que já vinha fazendo pelo país, que não é uma pregação político-eleitoreira, diga-se de passagem, e sim a defesa de um pensamento focado no liberalismo e no estado democrático de direito. É cedo ainda para se dizer se o astro da TV está mesmo interessado na sucessão de Jair Bolsonaro. Mas, mesmo que estejamos longe de 2022, se ele quiser mesmo ser candidato tem que começar a mexer-se agora, como aliás já está fazendo o governador de São Paulo, João Doria, que rompeu com o presidente da República, governa um estado poderoso e comanda um partido que tem capilaridade no país inteiro.             

Sempre em dia 

Desde que assumiu o Governo de Pernambuco há 4 anos e 9 meses, Paulo Câmara vem mantendo o pagamento da folha de pessoal rigorosamente em dia. Vai pagar aos aposentados no próximo dia 4 e o pessoal da ativa até o 5º dia útil. Só não tem jeito é de pôr em dia o pagamento das empresas terceirizadas.

Pela diplomacia  

Partiu do deputado Raul Henry (MDB) o convite feito ao ex-prefeito de Paulista, Yves Ribeiro, para se filiar ao MDB. Raul gosta pessoalmente de Yves por ele nunca ter tomado partido na briga de Jarbas com Miguel Arraes. Sempre foi um diplomata, relacionando-se bem tanto com os “jarbistas” como também com os “arraesistas”. 

Pista privada

Mais uma vez, o Governo do Estado lançou o edital da licitação para a conclusão dos aeroportos de Serra Talhada, Caruaru e Fernando de Noronha, antes de serem entregues à iniciativa privada. O de Petrolina, mesmo tendo ficado sem os voos da Gol, continua a interessar ao mercado privado por causa da exportação de frutas para a Europa.

Meia reforma

Governadores e prefeitos têm trabalhado menos do que deveriam pela inclusão dos servidores públicos estaduais e municipais na reforma da previdência. Ainda que o Senado tenha aprovado o parecer do senador Tasso Jereissati (PSDB-PE), estados e municípios só entrarão na reforma por uma “PEC paralela” que ainda não começou a tramitar.

Lula livre 

O pedido dos procuradores da Lava Jato para que o ex-presidente Lula passe do regime fechado para o semiaberto esvaziou, na prática, a campanha do PT pelo “Lula livre”. Livre o ex-presidente já está. Agora, exigir da Justiça brasileira uma declaração de “inocência” já é querer demais do judiciário brasileiro.  

Vai de Ninho 

Já que Yves Ribeiro caiu fora do PSB e retirou seu domicílio eleitoral de Igarassu, o candidato do PSB à prefeitura deste município deverá ser o ex-prefeito Severino Ninho. Que é histórico no partido, trabalhou nos governos de Arraes e Eduardo Campos e foi duas vezes suplente de deputado federal.

À espera

O vereador André Régis (PSDB) continua à espera de um convite do seu partido para iniciar os preparativos com vistas à sucessão do prefeito Geraldo Júlio (PSB). O PSDB não moveu uma palha até agora para a definição do candidato, mas sabe que sua única opção viável é o vereador, que fez notável trabalho na Câmara Municipal na área de educação. 

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook