Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Política

Pela modernização do fisco estadual


Por: REDAÇÃO Portal

Coluna Fogo Cruzado – 9 de outubro de 2019

Coluna Fogo Cruzado – 9 de outubro de 2019

Foto: Reprodução internet

09/10/2019
    Compartilhe:

Do ex-superintende da Sudene, Eliezer Menezes, a coluna recebeu ontem o comentário abaixo sobre o ex-deputado Osvaldo Coelho: “Caro Inaldo, li na tua coluna as referências a Osvaldo Coelho. Uma das grandes ações dele foi, como Secretário da Fazenda, quebrar a tradição do governador de nomear fiscais de renda a seu critério. As leis estaduais lhe davam esse direito. O resultado era um corpo fiscal em quase sua totalidade composto de ex-políticos e parentes. A consequência era uma baixa qualidade técnica. Osvaldo foi responsável pela aprovação de uma lei que criou a obrigatoriedade de concurso público para o cargo de Auditor Fiscal e Técnico Fazendário, exigindo curso superior, e Auditor Fiscal Auxiliar com segundo grau. O primeiro concurso foi realizado em 1968. Tal fato transformou a Fazenda PE, na época, no segundo melhor quadro técnico do país. SP era o primeiro. Exemplos de frutos dessa ação: Gustavo Krause, Monteirinho, Luíz Otávio, Antônio Carlos Brito Maciel, Admaldo Matos, Frederica  Krieguer, Eneida, e diversos outros que posteriormente assumiram cargos de destaque como Secretários de Estado, presidentes de estatais, políticos etc. Resumindo, uma significativa e importante  ação de Osvaldo, que muito beneficiou Pernambuco”. 

Fora do partido

O deputado Luciano Bivar, presidente nacional do PSL, admitiu ontem, publicamente, aquilo que já se sabia há muito tempo: que o presidente Jair Bolsonaro está fora do partido há muito tempo, se é que algum dia chegou a entrar. “Quando ele diz a um estranho para esquecer o PSL, mostra que ele mesmo já esqueceu”, disse Bivar.

Sem representante

O Governo do Estado não enviou representante à sessão solene da Alepe que comemorou os 30 anos de promulgação da Constituição Estadual. Dos 49 constituintes daquela época, 21 já faleceram e apenas se encontra na Casa após ter ficado 12 anos fora: Manoel Ferreira (PSC), pai do deputado federal André Ferreira.

Disputa de chapas 

Duas chapas concorrem à eleição para a reitoria da UFRPE (quadriênio 2020-2024). São elas: “De mãos dadas pela UFRPE” tendo como candidato a reitor o docente, Marcelo Carneiro Leão, e “Muda Rural”, encabeçada pela docente Mônica Folena. As chapas foram homologadas ontem. A eleição acontecerá nos dias 6 e 7 de novembro. 

Farra bilionária

A Advocacia-Geral da União (AGU) defendeu ontem no STF a possibilidade de a administração pública rever e anular anistias concedidas indevidamente a ex-cabos da Aeronáutica. A estimativa é de que os pagamentos, feitos para um grupo de cerca de 2,5 mil ex-militares, custariam R$ 43 bilhões aos cofres públicos nos próximos 10 anos..

Vidal vive
 

A Câmara Municipal do Recife fará sessão solene nesta quinta-feira para assinalar os 10 anos de falecimento do ex-vereador Luiz Vidal. A homenagem foi proposta pelo vereador Hélio Guabiraba (sem partido). Vidal fundou o PSDC em Pernambuco e o presidiu até a sua morte, tendo se tornado amigo do presidente nacional, Eymael.   

Reforço financeiro

Graças à cessão onerosa do pré-sal, Pernambuco terá um reforço de caixa no final do ano da ordem de R$ 700 milhões, dinheiro que deverá ser investido em obras de infraestrutura e cobertura do déficit previdenciário. Pra quem tenta, e não consegue, um empréstimo externo há cinco anos, esse dinheiro chegará em boa hora.

Duplo reforço

Os municípios brasileiros vão ficar com 15% dos recursos do pré-sal e com 25% da parte que cabe aos estados. Muitos, quebrados, terão agora a chance de buscar o equilíbrio financeiro, pois esse reforço de caixa não estava no radar de nenhum deles.   

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook