Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Economia

Copergás firma acordo inédito com a Shell para distribuição de gás natural


Por: PATRÍCIA RAPOSO

Contrato que estabelece parceria com a Copergás foi firmado nesta terça-feira, durante reunião virtual

Contrato que estabelece parceria com a Copergás foi firmado nesta terça-feira, durante reunião virtual

Foto: Governador Paulo Câmara/Fotos: Heudes Regis/SEI

25/08/2021
    Compartilhe:

Contrato que estabelece parceria com a Copergás foi firmado nesta terça-feira, durante reunião virtual

A partir do próximo ano, a Copergás (Companhia Pernambucana de Gás) contará com mais um fornecedor de gás natural, a Shell do Brasil. Um acordo inédito de suprimento de gás natural, válido para os anos de 2022 e 2023, foi assinado nesta terça-feira (24) entre as empresas. O suprimento será feito pela malha de gasodutos de transporte do país.

O contrato torna a Copergás a primeira distribuidora de gás canalizado do Brasil a contar com outra supridora além da Petrobras. Em 2022, Copergás deve receber 750 mil m³/dia de gás natural da Shell, o que representa cerca de 50% do mercado não-termelétrico atendido pela empresa pernambucana. Já em 2023, esse volume adquirido passará a 1 milhão de m³/dia, correspondendo a 66% do volume destinado aos segmentos não-termelétricos.

A Shell venceu a chamada lançada em setembro de 2020 pela Copergás, em conjunto com outras quatro distribuidoras do Nordeste. O processo contou com a participação de oito empresas, que apresentaram 18 propostas comerciais.

“Essa parceria vai ampliar a expansão da oferta do gás para todo o Estado. Pernambuco avançou nesse processo de interiorização do desenvolvimento, mas precisávamos de mais oferta, precisávamos chegar a locais que têm potencial, mas faltava garantir essa condição”, comentou o governador Paulo Câmara, durante o ato de assinatura.

Para o presidente da Copergás, André Campos, a empresa pernambucana assume posição de destaque no cenário nacional. “Esse é o primeiro acordo assinado, em um momento de abertura do mercado brasileiro de gás natural”, disse Campos, acrescentando que o contrato com a Shell servirá de referência para outras companhias estaduais do setor, na busca pela diversificação de supridores, garantindo maior competitividade e estabilidade de preços.

“Estamos levando o gás natural aos principais polos econômicos do Estado e abrindo novas fronteiras para que a criação de emprego e renda chegue a todas as regiões. O gás natural será um dos indutores dessa expansão”, disse o presidente da Copergás. Hoje, além da Petrobras, a Copergás conta com um fornecedor para o gás natural liquefeito (GNL), que é a New Fortress.

Essa escala atende a um plano de retração, previsto em contrato, no qual a Petrobras, que hoje fornece 100% do gás natural, reduzirá sua oferta em 2022 para 50%. Em 2023, haverá nova redução, desta vez para 1/3 do suprimento atual. Ao final do período, ocorrerá nova chamada pública.

 

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook