Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Cultura

Chicuarotes - o drama das periferias

Ouvir

Por: Sandra Bittencourt

García Bernal em seu segundo trabalho como diretor

García Bernal em seu segundo trabalho como diretor
12/09/2019
    Compartilhe:

'Chicuarotes', drama assinado pelo renomado Gael García Bernal, seu segundo trabalho como diretor , é baseado num roteiro de Augusto Mendoza, e estreiou em Cannes este ano. Chicuarotes – pimenta ou teimoso – são os habitantes de San Gregorio Atlapulco, na periferia sudeste da Cidade do México. Garcia Bernal tece aqui um painel verdadeiro das periferias mexicanas, a partir de dois protagonistas adolescentes - Cagalera (Benny Emmanuel) e Moloteco (Gabriel Carbajal). Eles vivem de bicos e pequenas performances -  como a de palhaço de corredor de ônibus -  não estudam, e nem esperam uma vida melhor.  Por outro lado, as relações familiares são bastante tóxicas - o pai de Cagalera  (Enoc Leaño), por exemplo, é alcóolatra e agressivo para com sua mulher (Dolores Heredia).  O outro filho, homossexual,  se esconde da família. Cansado do massacre diário, Cagalera decide sequestrar o pequeno filho do açougueiro do bairro. Com o dinheiro do crime, ele, sua namorada Sugheili (Leidi Gutiérrez) e o parceiro Moloteco poderiam finalmente sair dali. A direção de Garcia Bernal é bem precisa,  tonalidade  humanista, o filme nos aproxima de toda a cruel realidade dos adolescentes das periferias, de forma bastante realista. Os jovens atores,  Benny e Gabriel,  possuem uma atuação rigorosa , sem excessos . Sobre o mote do filme,  o próprio Gael García Bernal afirmou, certa vez,  que  ‘desejava apresentar um testemunho da falta de esperança da juventude. Eles querem ser, entretanto, não têm a liberdade para isso'.   Chicuarotes - vale muito a pena conferir. 

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook