Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Pernambuco

Casamento de bilionário brasileiro fecha ponto turístico em Fernando de Noronha


Por: REDAÇÃO Portal

O Forte dos Remédios fechou a visitação por dez dias, com a informação de que seriam feitos serviços de manutenção programados e um evento privado

O Forte dos Remédios fechou a visitação por dez dias, com a informação de que seriam feitos serviços de manutenção programados e um evento privado

Foto: Reprodução/G1

06/10/2023
    Compartilhe:

Um casamento vai fechar um dos pontos turísticos do Arquipélago de Fernando de Noronha, localizado em Pernambuco, durante 4 dias. O Forte dos Remédios, localizado na Ilha, está interditado para a cerimônia, com 400 convidados de diversos países, do empresário bilionário brasileiro Henrique Dubugras, de 27 anos. Entre eles, estaria o empresário e fundador da Microsoft, Bill Gates. A cerimônia acontece neste sábado (7), após quatro dias de eventos na região.

Devido a isso, o Forte dos Remédios fechou a visitação por dez dias, com a informação de que seriam feitos serviços de manutenção programados e para um evento privado. A fortaleza é administrada por um consórcio de empresas privadas, que venceu uma licitação do Governo do Estado, paga R$ 238 mil por mês ao poder público e, por isso, pode explorar comercialmente o local. A direção do consórcio informou que a locação do espaço para um evento fechado custa R$ 100 mil por dia.

Henrique Dubugras é empresário do ramo de Tecnologia da Informação. Em 2022, ele entrou na lista de bilionários da revista Forbes. A noiva é a engenheira de software Laura Fiuza.

A empresa Azul Linhas Aéreas fez três voos exclusivos para o grupo e uma aeronave de carga pousou na ilha carregada com flores para a decoração. Um helicóptero também foi mobilizado e está no aeroporto de Fernando de Noronha, junto com dois aviões de pequeno porte, para atender o evento.

Em Noronha, especula-se que a festa de sábado terá como atrações musicais a banda pop norte-americana Maroon 5 e o DJ Alok, mas muitas informações não são confirmadas porque os fornecedores do casamento, incluindo os poucos moradores da ilha que vão trabalhar no evento, assinaram um termo de sigilo contratual que proíbe a divulgação de informações.

Confira as informações do repórter Israel Teixeira.

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook