Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Policial

Justiça condena Pedro Eurico por descumprimento de medida protetiva, perseguição e violência doméstica contra a ex-mulher

Ouvir

Por: REDAÇÃO Portal

O caso tomou notoriedade no fim de 2021, quando Maria Eduarda o denunciou por violência doméstica durante os 25 anos em que estiveram casados

O caso tomou notoriedade no fim de 2021, quando Maria Eduarda o denunciou por violência doméstica durante os 25 anos em que estiveram casados

Foto: Divulgação / G1

15/12/2023
    Compartilhe:

O ex-secretário de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, Pedro Eurico, foi condenado a 1 ano, 9 meses e 20 dias de prisão pelos crimes de perseguição, violência psicológica e descumprimento de medida protetiva concedida à ex-mulher dele, a economista aposentada Maria Eduarda Marques de Carvalho. A defesa deve recorrer da decisão.

O caso tomou notoriedade no fim de 2021, quando Maria Eduarda o denunciou por violência doméstica durante os 25 anos em que estiveram casados. Na época, após a divulgação das denúncias, o ex-secretário pediu afastamento do governo de Pernambuco.

Além da prisão decretada, Pedro Eurico foi multado em 148 dias à razão 1/30 do salário mínimo. O valor corresponde a R$6.512, considerando o salário mínimo atual, de 1.320. A sentença foi publicada na tarde de quinta-feira (14), pela juíza Patrícia Caiaffo de Freitas Arroxelas Galvão, da Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra Mulher de Olinda. Ainda existem outras denúncias sobre violência doméstica em tramitação na Vara Criminal do Recife.

Confira as informações com o repórter Guilherme Camilo, clicando no 'play' acima.
 

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook