Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Policial

Polícia investiga agressão de patroa contra diarista grávida em Jaboatão

Ouvir

Por: REDAÇÃO Portal

Caso ocorreu na última quinta-feira (23), em Piedade; vítima está grávida de três meses

Caso ocorreu na última quinta-feira (23), em Piedade; vítima está grávida de três meses

Foto: Reprodução (via g1)

29/11/2023
    Compartilhe:

A Polícia Civil de Pernambuco instaurou inquérito para apurar o caso de agressão sofrido por uma diarista em Piedade, Jaboatão dos Guarapapes, na quinta-feira (23). Kássia da Silva, de 26 anos, que está grávida de três meses, foi contratada por meio de um aplicativo para realizar o serviço em um apartamento, com pagamento de R$150 por dia. Ao portal g1, a jovem informou que após quatro dias decidiu deixar o trabalho por não aguentar mais fisicamente. Os expedientes iam das 5h às 21h30, atuando na limpeza do local até o cuidado dos filhos da patroa, com apenas 1h de intervalo na hora do almoço.

Ao comunicar que iria precisar sair do serviço, a contratante, Cibele Aspasias, xingou e ameaçou a diarista. As agressões foram filmadas pela vítima. Nas imagens, Cibele manda Kássia ir embora, mas a diarista exige que o pagamento combinado seja feito e que só sairia de lá com a polícia. A patroa parte para a agressão física e Kássia grita por socorro. Ainda de acordo com a vítima, Cibele também a teria ofendido com ataques racistas e o pai da patroa precisou intervir na discussão. Ele encaminhou Kássia até o elevador e deu R$15 à ela.

Um boletim de ocorrência de Injúria Qualificada Racial, Lesão Corporal e Ameaça foi registrado na 22ª Delegacia de Piedade. Em nota, a Polícia Civil informou que as investigações estão sob a coordenação do delegado titular Samuel Basílio e que “maiores informações poderão ser repassadas em momento oportuno.”

Ouça nota da repórter Taynã Olimpia no ‘play’ acima.

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook