Carregando
Recife Ao Vivo

CBN Recife

00:00
00:00
Saúde

Vacinas pediátricas contra Covid-19 estão esgotadas, diz ministério

Ouvir

Por: REDAÇÃO Portal

ainda há a expectativa de antecipar mais de 3 milhões de doses para o público entre seis meses e quatro anos.

ainda há a expectativa de antecipar mais de 3 milhões de doses para o público entre seis meses e quatro anos.

Foto: Agência Brasil

07/01/2023
    Compartilhe:

O estoque do governo federal de vacinas pediátricas contra covid-19 para crianças até 11 anos, está esgotado, de acordo com a secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente do Ministério da Saúde, Ethel Maciel. Foram realizadas reuniões com a fabricante de vacinas pediátricas Pfizer, a única que produz o imunizante direcionado a esta faixa etária, de seis meses a três anos de idade. 

E ainda há a expectativa de antecipar mais de 3 milhões de doses para o público entre seis meses e quatro anos. Alexsandra Coelho Pediatra e Infectologista Pediátrica e Presidente da Sociedade de Pediatria de Pernambuco, comenta a estratégia do programa de imunização.

A outra vacina pediátrica contra covid-19 aprovada para crianças menores, a Coranovac, produzida pelo Instituto Butantã, pode ser aplicada a partir dos três anos de idade. A secretária, contudo, disse que o contrato com o instituto foi paralisado pela gestão anterior do Ministério da Saúde, devendo ser retomado em breve. 

A secretaria ainda salientou que a ciência hoje tem como ideal para a efetividade dos imunizantes a aplicação de ao menos três doses. O número de pessoas com essa cobertura vacinal não chega a 50% do público-alvo, faltando aplicar a terceira dose em ao menos 100 milhões de pessoas. A falta da imunização completa vem em meio ao primeiro caso da variante XBB.15 no Brasil, identificado em São Paulo, fator que alerta e leva o Ministério da Saúde a considerar a antecipação de uma nova campanha de vacinação e que a prioridade no momento será completar o esquema vacinal de adultos. 

Ouça a matéria da repórter Ana Júlia Duarte clicando no play acima

Notícias Relacionadas

Comente com o Facebook